Fraudes corporativas: como se proteger e evitar esse tipo de situação na sua organização

Confira quatro dicas para fortalecer a segurança digital do seu negócio

Embora muitos executivos avaliem regularmente os riscos que podem ameaçar suas empresas, muitos ainda comumente deixam de dar a devida atenção às fraudes online. No entanto, os cibercriminosos procuram vítimas vulneráveis ​​em todos os lugares, razão pela qual o comportamento proativo é essencial para manter as empresas protegidas contra fraudes.

Aqui estão quatro maneiras viáveis ​​pelas quais a sua organização pode permanecer forte contra golpes e comportamentos fraudulentos:

1. Realize uma auditoria de segurança

Torna-se um desafio para todas as organizações o conhecimento de como se proteger contra fraudes online, caso seus representantes não estiverem cientes das respectivas áreas problemáticas. Passar por uma auditoria de segurança permite que os especialistas em segurança cibernética de uma empresa determinem onde existem os pontos fracos. A correção desses pontos vulneráveis ​​poderá diminuir a probabilidade de os cibercriminosos cometerem fraudes bem sucedidas, como por exemplo através de malwares que adulteram boletos de pagamentos, direcionando os valores para contas de terceiros.

2. Implementar uma política de senhas para toda a organização

Uma política de senhas para utilização por todos na organização, também poderá ajudar muito na proteção de empresas contra fraudes e outros ataques. Além de definir regras para utilização de senhas fortes, contendo ainda a obrigação de que sejam longas o suficiente e que não contenham palavras encontradas no dicionário, os colaboradores também deverão ser treinados sobre a ausência de segurança em compartilhar senhas com colegas, ou ainda sobre não utilizar as mesmas senhas em várias aplicações ou sistemas.

3. Incorpore a fraude online aos tópicos de educação de funcionários

O combate à fraude online é um esforço de equipe, o que significa que o ideal é adotar uma abordagem de cima para baixo, em que a alta direção da empresa priorize o cumprimento e, em seguida, incentive os demais colaboradores a seguir o exemplo. Para colocar essa atitude em prática, sugere-se definir as regras em políticas internas da organização aprovadas pela alta direção, e após isso, dar início ao treinamento de todos os colaboradores sobre o tema.

4. Examine cuidadosamente todas as solicitações online - especialmente as urgentes

Algumas organizações estão tão ansiosas para agradar as partes interessadas que, ao se apressarem em atender a qualquer necessidade possível, acabam por não verificar e tomar os devidos cuidados em fazer uma verificação prévia, da possibilidade de se tratar de uma comunicação fraudulenta. É crucial que as organizações avaliem cuidadosamente quaisquer solicitações online que pareçam legítimas, especialmente se o remetente transmitir urgência excepcional.

Muitos cibercriminosos tentam induzir suas vítimas enfatizando consequências terríveis, como por exemplo o suposto encerramento de contas ou aplicação de multas, caso o destinatário não realize uma ação imediatamente.

Ainda tem dúvidas quanto ao assunto? Entre em contato conosco!